fbpx

Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo cria pós-graduação em Direito das Diversidades e Inclusão Social

Curso tem o objetivo de capacitar o aluno a atuar na defesa dos direitos dos grupos discriminados da sociedade e na formação das pessoas na perspectiva de respeito à dignidade humana de todos

 

Um levantamento feito pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, em 2017, mostra que os negros representam 71% das vítimas de homicídio no país. A cada 19 horas, um LGBTT é assassinado ou se suicida, vítima da homotransfobia, segundo o GGB (Grupo Gay da Bahia), que coleta estatísticas sobre assassinatos de homossexuais e transgêneros. Dados da OMS (Organização Mundial da Saúde) revelam que o Brasil está em 5° lugar no ranking do feminicídio. Essas são algumas das informações que expõem a estrutura social injusta e antidemocrática do Brasil. A fim de discutir esses aspectos da realidade brasileira, a Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo lançará, em agosto, o curso de pós-graduação lato sensu em Direito das Diversidades e Inclusão Social.

“O curso é fundamental em uma faculdade de Direito que se preocupa com a formação humanística dos seus alunos e com os fenômenos sociais diretamente ligados aos direitos humanos”, comenta uma das coordenadoras do curso, professora Eliana Borges Cardoso.

O objetivo do curso é orientar profissionais de diferentes áreas do conhecimento a respeito de questões ligadas à diversidade e à inclusão social. Segundo a professora Denise Auad, uma das coordenadoras do novo curso de pós-graduação, “a ideia surgiu a partir de uma conscientização de que o processo educativo é o melhor caminho para combater a intolerância e fomentar mais respeito ao ser humano”.

O curso iniciará com aulas que têm o objetivo de compreender a realidade da exclusão social no Brasil, seus aspectos sociológicos, históricos, psicológicos, bem como os marcos legais para a proteção das diversidades e promoção da inclusão social. Também abordará a importância da gestão das diversidades nas organizações.

O Módulo I será aberto com o estudo da Teoria Geral da Diversidade e Inclusão Social. Na sequência, será abordada a gestão da Diversidade no ambiente corporativo. Dois grupos serão estudados neste módulo: a população negra e os povos indígenas. Em relação ao primeiro grupo, os debates trarão questões como o preconceito racial, as relações étnico-raciais na sociedade brasileira, a história da escravidão africana e transatlântica, políticas afirmativas, entre outros. Em relação ao segundo grupo, será abordada a importância da cultura indígena para a construção da identidade cultural brasileira e, como decorrência, a necessidade de proteção das terras e da língua desses povos.

No Módulo II, o foco inicial será a mulher, com questões relacionadas ao feminismo, à desigualdade salarial e de gênero. Dentro do mesmo módulo, serão tratados temas relacionados à criança, ao adolescente e ao jovem. O ciclo de estudos será finalizado com uma abordagem dedicada à população idosa e seus direitos.

O terceiro e último módulo do curso vai contemplar a comunidade LGBTT, que tem conquistado direitos novos no Brasil. O fenômeno da imigração e a situação dos refugiados, os quais têm chegado ao país em condições de grande vulnerabilidade será também tratado no Módulo III. O módulo será encerrado com o estudo dos direitos das pessoas com deficiências e, após, será aberta uma oportunidade de diálogo com os alunos para que detectem outros grupos que considerem também estar marginalizados na sociedade brasileira.

Segundo a professora Clarice Assalim, também coordenadora do curso, o trabalho começou a ser elaborado desde 2017. “Quando o professor Rodrigo Gago assumiu a direção da Instituição, demonstrou o desejo de que um curso como esse fosse criado. No ano passado, ele convidou a mim e às professoras Denise Auad e Eliana Borges Cardoso para que elaborássemos a proposta do curso”, recorda.

Pós-graduação Direito São Bernardo 2018 – A faculdade também oferece os seguintes cursos de especialização: Direito e Relações do Trabalho; Direito Processual Civil; Direito Tributário; Direito Empresarial; Direito Constitucional; Direito e operações imobiliárias; Direito do Consumidor. Em 2019 terão início os cursos de Especialização em Direito Previdenciário Empresarial e Especialização em Direito Civil.

Os cursos de pós-graduação lato sensu da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo são oferecidos no sistema de módulos e as inscrições podem ser feitas on line. Para mais informações, acesse o site da Faculdade: https://www.direitosbc.br/cursos/pos-graduacao/ ou ligue para 3927-0202.

Ver mais notícias