Vamos Relembrar: Informatização da Faculdade

Acompanhando as evoluções tecnológicas que se refletem na modernização dos métodos e práticas acadêmicas, a Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo iniciou seu processo de informatização em 1994, com a adoção de computadores na biblioteca e na área administrativa.Em 1998, foram instalados os primeiros terminais eletrônicos de consulta, nos quais os alunos podiam ter acesso a notas, controle de faltas e outras informações. No ano de 2001, a Faculdade ganhava seu primeiro site na internet. O primeiro laboratório de informática aberto ao uso dos alunos foi implantado em 2002, com 35 computadores.Já em 2004 foi criada a área de Tecnologia da Informação, que trouxe melhorias tecnológicas aos vários setores administrativos, o que se refletiu em melhor atendimento à comunidade acadêmica. Naquele mesmo ano, em seu site, a Instituição passou a disponibilizar aos alunos todas as informações acadêmicas. Também implantou as catracas biométricas para controle de acesso ao campus.

Em 2005, a informatização atingiu todas as salas de aula, sendo instalados, no lugar dos antigos retroprojetores, novos projetores multimídia e computadores conectados à internet.

A partir de 2009, os alunos passaram a contar com moderna rede wi-fi (sem fio) bem mais eficiente, de modo a atender ao crescente acesso à internet, ferramenta essencial ao aprendizado na atualidade. Àquela época, também, as salas de aula e os auditórios receberam melhorias na informatização, com maior eficiência da rede de acesso à web, somado aos projetores de imagens instalados anteriormente.

 

O laboratório de informática foi ampliado e modernizado, passando a contar com grande número de computadores (passou de 35 para 70), a fim de bem atender ao forte crescimento da demanda. Realizaram-se importantes investimentos na área, como a terceirização de impressão de documentos, que trouxe mais qualidade e gerou redução de custos.

Nos anos seguintes, a Faculdade incrementou ainda mais os investimentos em tecnologia,  como: melhoria das estações de trabalho, dos ativos de rede, dos servidores e dos sistemas operacionais; implementação de sistemas de cópias eletrônicas robotizadas dos arquivos eletrônicos; aumento do número de servidores centrais virtualizados; melhorias nas catracas de acesso ao campus; e implantação de estúdio móvel para gravações de vídeo-aulas, com equipamentos e softwares de qualidade. Além disto, uma nova modernização do sistema de som de todas as salas de aula foi realizada, bem como a ampliação da capacidade de armazenamento de informações na rede.

Particularmente no ano de 2011, o sistema de frequência dos alunos foi integrado às catracas biométricas, trazendo ao docente maior clareza sobre a presença dos alunos em sala de aula e no campus.

O ano de 2013 trouxe novidades: o site da Instituição foi reformulado e também foi implantado o sistema de gerenciamento de cursos Moodle, no qual os professores podem publicar material e atividades para acesso de suas turmas pela internet. Além disso, um grande investimento foi realizado para propiciar maior segurança na integração de todos os anexos jurídicos.

No ano em que completou seu cinquentenário, foi implantado o sistema e-notas, destinado ao lançamento on-line das notas de alunos pelo próprio docente. Construiu-se, ainda, o novo sistema de controle de atendimentos aos munícipes no anexo de prática jurídica do Poupa Tempo, melhorou-se o sistema que atende à Pós-Graduação e foram feitos mais investimentos na rede wi-fi e em CFTV (para maior segurança aos usuários do campus, mediante cobertura interna e de perímetro), com previsão de implantação de mais de 100 câmeras em 2015.

Informação retirada integralmente do livro Jubileu de Ouro da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo – 50 anos de Amor Acadêmico.