Atualizado: Prefeitura anuncia novas medidas para o transporte coletivo

Atualizado em 24/04/2020 às 17h59min

Em reunião com os demais chefes do Executivo da região e secretários de Estado decidiu-se por diminuição da frota e não mais suspensão; ação vale para intermunicipais e trólebus

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, anunciou nesta terça-feira (24/03) modificações para o uso do Transporte Coletivo municipal para o período de contenção à disseminação do novo Coronavírus (Covid-19). Trata-se da redução da frota para o cotidiano e não mais a suspensão da circulação dos ônibus, que havia sido anunciado para começar no dia 29/03.

A mudança ocorreu após entendimento com os demais seis prefeitos que compõe a região do Grande ABC, em reunião com o secretário de Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, e o de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. A ata foi oficializada por vídeo conferência entre os participantes.

Desta forma, o transporte municipal, composto por aproximadamente 400 ônibus, irá para as ruas com 50% da frota nos horários de pico (entre 6h30e 9h e 17h às 20h30) e 30% nos demais horários. Aos fins de semana e feriados a frota será de 30% nos horários de pico e de 15% no resto do dia. A suspensão completa do transporte foi revista, diante da redução do uso dos coletivos registrada nos últimos dias. A ação será iniciada a partir de segunda-feira (30/03).

“Nós, aqui no município, havíamos conseguido o entendimento com a concessionária do transporte e os profissionais para uso específico. No entanto, foi colocado em pauta que muito dos usuários estão vindo da Capital e seriam prejudicados para chegar ao hospital”, destacou o prefeito Orlando Morando, detalhando que o plano inclui os ônibus intermunicipais e o trólebus.

Desde o início das medidas de combate ao Covid-19, a utilização do ônibus municipal em São Bernardo vem registrando quedas gradativas, superior a 70%, entre os 230 mil usuários que utilizavam normalmente.

GRATUIDADES – As ações novas do transporte coletivo se somam ao veto das gratuidades a estudantes e idosos nos ônibus municipais, já anunciadas para coibir a exposição.

Com informações da Prefeitura de São Bernardo do Campo por Leandro Baldini

Ver mais notícias