É hexa! Direito São Bernardo comemora selo “OAB Recomenda” pela 6ª vez consecutiva

Reportagem atualizada, às 15h30, do dia 30/01/2019

 

Título, organizado desde 2001, avalia a qualidade dos cursos e instituições de ensino jurídico no Brasil

A Direito São Bernardo recebeu o selo “OAB Recomenda” pela sexta vez consecutiva. A notícia chegou em forma de convite para participação do diretor prof. Rodrigo Gago Freitas Vale Barbosa que foi convidado para a cerimônia de entrega, que ocorreu hoje (30/01/2019), na sede da Ordem dos Advogados do Brasil, em Brasília (DF).

Organizado desde 2001, o selo tem como principal objetivo contribuir para o aprimoramento do ensino jurídico no País, balizando estudantes e o mercado na direção das instituições com padrão de qualidade elevado. Na última edição (2016), somente 139 das 1.071 faculdades e universidades avaliadas receberam o reconhecimento.

“É uma honra e uma alegria figurar entre as melhores mais uma vez. Este resultado é um reflexo direto da dedicação exclusiva ao ensino de Direito por mais de cinco décadas, da qualidade do nosso corpo acadêmico e do preparo de nossos alunos”, explica o diretor Prof. Rodrigo Gago Freitas Vale Barbosa.

 

Para a escolha, a OAB usa como base o índice de aprovação dos estudantes de cada instituição nos Exames de Ordem e no conceito objetivo no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE). Na região do ABC, onde está localizada, a Direito São Bernardo é a única instituição com o título.

 

Marcus Vinicius Furtado Coelho, Secretário-Geral e Presidente da OAB Nacional, respectivamente, de 2010 a 2013 e de 2013 a 2016, ladeia diretor Rodrigo Gago, na entrega da láurea para a Faculdade de Direito de SBC.

Outros reconhecimentos

A edição 2018 do Ranking Universitário Folha (RUF) também confirmou a Faculdade como a melhor instituição de ensino jurídico do ABC. Na classificação geral do Estado de São Paulo, a Direito é a terceira melhor pública, ficando atrás somente da Universidade de São Paulo (USP), Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP), primeiro e segundo lugares, respectivamente.

 

 

Ver mais notícias