fbpx

Aluno da FDSBC recebe nota 9,9 no XVI Exame Unificado da OAB

Aluno da FDSBC recebe nota 9,9 no XVI Exame Unificado da OAB
terça-feira,08 de dezembro de 2015.
O estudante Otávio Naves de Oliveira, 22 anos, que cursa o 5º ano (AN) da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo, obteve a nota 9,9 na segunda fase do XVI Exame Unificado da OAB, na especialidade de Direito Tributário. Nesta matéria, ele fala sobre como foi sua preparação para o teste e revela suas perspectivas para a carreira jurídica. Otávio, que atua na área do Direito Tributário e Empresarial desde o terceiro ano da Faculdade, pretende seguir na área como advogado, porém, também conserva o sonho se tornar magistrado.
Otávio conta que a preparação para a Segunda Fase foi de estudos intensos, com revisão das matérias estudadas na Faculdade e também com aulas em cursinho preparatório para a área específica de Direito Tributário. “Minha nota superou e muito as minhas expectativas. Minha preparação foi bem intensa, mas no momento que você sai da prova sempre acha que errou alguma coisa. A Faculdade e o cursinho te preparam para um cenário muito mais complicado que a própria prova e isso me ajudou muito também. No momento da realização da prova me senti num cenário não tão complicado o que, de certa forma, me tranquilizou e me fez ter mais confiança para realizar a prova”.
Para o estudante, não existe segredo para que um candidato seja bem-sucedido em qualquer tipo de prova, é preciso apenas que ele se dedique e dê o melhor de si. “O Exame da Ordem é um passo muito importante para a maioria dos alunos que está saindo da Faculdade, pois existem muitos fatores externos que dependem do seu sucesso na prova. Cobranças para ser efetivado no estágio ou para permanecer ou assumir um novo cargo trabalho, cobranças dos pais, amigos, demais familiares etc, são um exemplo destes fatores. No meu caso, não tive estes tipos de obstáculos, mas sempre me cobrei muito. Sempre me cobro para dar o meu melhor e com o Exame da OAB não foi diferente”, contou.
O estudante elencou algumas dicas para ajudar os colegas que se preparam para prestar o Exame de Ordem. Confira a seguir:
1.         Foque em você: ninguém merece mais o seu sucesso do que você mesmo deixe pensamentos e cobranças negativas de lado;
2.         Não se cobre tanto: mantenha o equilíbrio em suas cobranças. O insucesso não significa que você não é bom ou não está preparado para ser um advogado (a). Se isso te dominar, a frustação pode ser tamanha que se transformará em medo e poderá te prejudicar em novos exames que vier a prestar. Tudo tem seu tempo, e se você não tiver sucesso numa prova, com calma e foco nos estudos, não há como você não ser aprovado no exame;
3.         Mantenha a concentração nos estudos: a aprovação não cai do céu, mas também não é algo impossível. Se dedique, refaça provas e peças de exames passados. Revise as matérias que a Faculdade lhe proporcionou e crie uma rotina de estudos. O mundo conspirará para que você não se concentre nos estudos para o Exame. Sempre terá alguma festa muito mais interessante ou um seriado novo que você quer muito assistir, mas entenda que isso é uma fase, e depois que você passar no Exame poderá aproveitar outras oportunidades para se descontrair;
4.         Mantenha a calma e tenha paciência no dia da prova: isso, ao meu ver, é o principal obstáculo no dia da prova. Tenho amigos muito dedicados aos estudos que não tiveram sucesso num primeiro momento, pois se deixaram levar pela pressão. Se você se preparou, o sucesso virá, deixe o nervosismo de lado.
Otávio deixa um agradecimento à FDSBC: “Realmente, o ensino é de qualidade e me orgulho de ser aluno da casa. Sem dúvidas, muitas oportunidades surgiram por eu ser aluno desta Instituição e tenho certeza que levarei muito do que aprendi na Faculdade para o resto da vida (não só para meu desenvolvimento técnico, mas também como pessoa, tendo a lembrança de grandes professores e grandes amigos, aqueles que não te deixam cair, ou te ajudam a levantar). Espero que os alunos continuem honrando no nome da Direito e que, por sua vez, a Faculdade mantenha o compromisso de prestar um ensino jurídico de qualidade”.

Ver mais notícias