Professor Sérgio Seiji Itikawa toma posse do cargo de corregedor-geral da PGE

Professor Sérgio Seiji Itikawa toma posse do cargo de corregedor-geral da PGE
29 de setembro de 2015, terça-feira,
Na tarde desta terça-feira, 29 de setembro de 2015, às 17h, o Prof. Ms. Sérgio Seiji Itikawa, titular da disciplina de Economia da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo, assumiu o cargo de corregedor-geral da PGE. A solenidade ocorreu no espaço multiuso do edifício-sede da Procuradoria Geral do Estado de São Paulo, localizado na Rua Pamplona, 227, 18º andar, Bela vista, em São Paulo.
A Corregedoria da Procuradoria Geral do Estado é órgão superior da Procuradoria Geral do Estado, ao lado do Gabinete do Procurador Geral e do Conselho da Procuradoria Geral do Estado. “É uma grande honra a nomeação para o Cargo de Corregedor Geral, para o mandato de dois anos”, declarou o Dr. Sérgio.
As atribuições da Corregedoria encontram-se definidas na Lei complementar nº 1.270, de 25 de agosto de 2015, cabendo-lhe a orientação e fiscalização das atividades funcionais e da conduta dos integrantes da carreira, no exercício de suas funções. “Pretendo que essas atribuições sejam desempenhadas pela equipe da Corregedoria, sempre em estreita colaboração com os demais órgãos da Procuradoria Geral, servindo também como instrumento apto a fornecer elementos para subsidiar eventuais tomadas de decisão daqueles que circunstancialmente detenham tal competência”, afirmou o novo corregedor-geral, sobre suas perspectivas para a atuação no cargo.
O professor Sérgio ingressou na Procuradoria Geral, instituição responsável pela advocacia do Estado, em agosto de 1990, ou seja, há 25 anos. Ele atuou na Procuradoria Regional da Grande São Paulo, na Seccional de Guarulhos, na Procuradoria Fiscal e na Consultoria Jurídica da Secretaria de Segurança. “Exerci os cargos de procurador do Estado assistente e procurador do Estado assessor, no gabinete do procurador-geral. Encontrava-me, até a nomeação, exercendo a função de corregedor-auxiliar. Também tive oportunidade de servir à carreira de procuradores, exercendo os cargos de diretor financeiro e secretário-geral da Associação dos Procuradores do Estado de São Paulo”, contou o professor.

Ver mais notícias