Sessão de cinema e debate encerra Semana do Calouro de 2015

Sessão de cinema e debate encerra Semana do Calouro de 2015
19 de fevereiro de 2015, quinta-feira.
O encerramento da Semana do Calouro de 2015, no dia 13 de fevereiro (sexta-feira), contou com uma atividade cultural realizada pelo professor de Filosofia Geral da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo, Marcelo Souza Koch Vaz Döppenschmitt. Os calouros dos períodos matutino e noturno assistiram ao filme “12 Homens e Uma Sentença” e debateram os conceitos ligados ao Direito que foram apresentados no decorrer da trama.
Originalmente intitulado “12 Angry Men” e lançado em 1957, o filme foi dirigido por Sidney Lumet e conta a história de doze jurados que devem decidir o destino de um jovem suspeito de ter assassinado o próprio pai. No início, 11 dos jurados têm a certeza de que o rapaz é culpado pelo crime, apenas um possui dúvida, o jurado número 8, um arquiteto interpretado pelo ator Henry Fonda. Dessa forma, o personagem decide reavaliar todos os fatos relatados durante o julgamento, realizando um processo de desconstrução da cena do delito.
Após a apresentação do filme, o Prof. Marcelo Döppenschmitt destacou os assuntos relevantes para o estudo do Direito abordados na obra e mediou um debate entre os alunos, além de esclarecer as dúvidas sobre as diferenças entre o sistema de júri americano e o brasileiro. “Este é um exercício interessante que pretendo desenvolver ao longo do ano com o projeto Cinema e Direito. Discutir esses filmes faz com que vejamos aspectos das obras que não perceberíamos facilmente assistindo sozinhos”, afirmou o professor sobre a atividade.
As discussões englobaram os seguintes temas: as características dos sistemas democráticos, como a diversidade de opiniões, a relação entre liberdade de escolha e responsabilidade no âmbito social, a tolerância e a cidadania; diferenças culturais entre os povos de origem latina e anglo-saxônica e a forma de aplicação do Direito em cada um deles; os riscos da condenação de inocentes à pena de morte; a eficácia do sistema de júri e como o ambiente pode influenciar no processo de deliberação dos jurados; entre outros.
O professor Marcelo informou aos alunos que o filme assistido foi transformado em peça de teatro, sendo encenada no Brasil desde 2010, dirigida por Eduardo Tolentino de Araújo. A peça foi apresentada na Semanajur da Direito São Bernardo, em 2012, e está novamente em cartaz em São Paulo, no Teatro Jaraguá (Centro – SP), até o dia 5 de abril.
Para a caloura Miriane Schlagenhaufer, do 1°B – Diurno, a atividade com filme seguido de discussões ajuda os estudantes a serem mais críticos. “Achei o processo de cine-aula muito interessante, pois faz o aluno pensar e não simplesmente ouvir. Também faz com que o estudante se questione mais sobre a sociedade em que está inserido”, declarou.
A aluna participou de todas as atividades promovidas durante a Semana do Calouro de 2015 e gostou da introdução ao curso. “Essas atividades nos inserem na faculdade e nos preparam para o novo sistema. Isso é interessante, pois muitos chegam aqui sem saber o que é o Direito. Essa semana foi essencial para colocar o aluno dentro da faculdade com o pé direito”, ressaltou Miriane.

Ver mais notícias